Sem categoria

Limpeza de tanques: beleza ou necessidade?

A limpeza dos tanques facilita a localização de pontos de manutenção, além de interferir positivamente na durabilidade.

No período de entressafra tanto a manutenção corretiva quanto a preventiva são responsáveis por ajustes imprescindíveis das industrias. Dentre os inúmeros reparos, um que pode passar desapercebido é a limpeza de tanques. Contudo, quando esse procedimento é deixado de lado, o excesso de substâncias químicas pode prejudicar a sua principal função, a de armazenar. Por esse motivo, é preciso prestar atenção em todos os prejuízos a partir da não execução dessa tarefa.

Entenda por que a limpeza dos tanques interfere na escala de produção

Reparos industriais são conhecidos por levarem tempo e cuidado, afinal a produção em larga escala exige o pleno funcionamento dos equipamentos. Com isso, para que as usinas não sofram com interrupções que fujam do período de entressafra ou qualquer manutenção periódica, quando pertencentes a outro setor, alguns cuidados devem ser uma priorizados. Mesmo que alguns dirigentes acreditem que a limpeza de tanques é algo mais estético do que técnico, vale lembrar que uma manutenção bem planejada evita prejuízos financeiros.

Além disso, é preciso levar em consideração que tanques industriais têm como função o armazenamento de insumos importantes como água, óleo, substâncias químicas, tóxicas, dentre outras. Ou seja, a capacidade volumétrica de armazenamento não pode estar em risco, caso contrário os resultados são catastróficos.

No que diz respeito a produção, a qualidade está diretamente ligada aos reparos periódicos. Sendo assim, independente se os tanques fazem parte do desenvolvimento de bebidas, produtos farmacêuticos, alimentos ou limpeza, todo processo que acontece antes do produto final estar pronto deve ser conduzido por equipamentos qualificados. Outro ponto importante é que o valor investido acaba gerando um retorno de investimento, com o ganho de produtividade com menos tempo de máquinas paradas e frequência de falhas.

No que diz respeito a produção, a qualidade está diretamente ligada aos reparos periódicos. Sendo assim, independente se os tanques fazem parte do desenvolvimento de bebidas, produtos farmacêuticos, alimentos ou limpeza, todo processo que acontece antes do produto final estar pronto deve ser conduzido por equipamentos qualificados. Outro ponto importante é que o valor investido acaba gerando um retorno de investimento, com o ganho de produtividade com menos tempo de máquinas paradas e frequência de falhas.

Como escolher os produtos certos para a limpeza de tanques?

O primeiro ponto a ser levado em consideração no processo de limpeza de tanques, é que ele deve ser feito por profissionais. Sendo assim, os produtos utilizados precisam ser de qualidade e não devem ser colocados em risco a saúde dos colaboradores responsável pela remoção. Afinal, nesses procedimentos a segurança sempre deve estar em primeiro lugar. Além disso, os produtos que não agridem a natureza são prioridade.

A Homy Química conta com desincrustantes biodegradáveis, que podem ser utilizados tanto para limpeza externa quanto a limpeza interna, dentre eles destaca-se o Detergente Desincrustante/ Abrilhantador Biodegradável, contando com máxima ação na retirada de fuligem e ferrugem. Já para tanques de imersão, os Decapantes e Passadores Para Aço Inox são opções válidas por promoverem o abrilhantamento de metais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *